Notícias

Unicef lança fundo de criptomoedas para apoiar a tecnologia

Por CriptoFácil*

Unicef

A Unicef, Fundo das Nações Unidas focado em crianças, lançou um fundo de criptomoedas para receber, manter e distribuir doações de Bitcoin e Ethereum em seu objetivo de apoiar a tecnologia de código aberto para crianças em todo o mundo, conforme reportado pela Coindesk.

A Unicef disse em um anúncio nesta terça-feira, 08 de outubro, que, pela primeira vez para a organização das Nações Unidas, o Fundo de Criptomoedas (Cryptocurrency Fund) receberá contribuições e concederá contribuições em criptomoedas.

A organização acrescentou que as primeiras contribuições ao Fundo de Criptomoedas da Unicef vêm da Fundação Ethereum e “beneficiarão três donatários do Fundo de Inovação da Unicef”.

Ela disse que os três donatários que receberão as doações iniciais são Prescrypto, Atix Labs e Utopixar, com foco nas áreas de “rastreamento de prescrição, combinando investidores e aqueles que precisam de financiamento, e tokens e engajamento da comunidade”.

Aya Miyaguchi, diretora executiva da Fundação Ethereum, disse em um discurso no evento DevCon que 100 Ether, no valor de cerca de US$18.000 pelo preço atual, foi enviado à Unicef por meio da nova parceria.

“Este é um empreendimento novo e empolgante para a Unicef”, disse a diretora executiva do Unicef Henrietta Fore. “Se as economias e moedas digitais têm o potencial de moldar a vida das próximas gerações, é importante explorarmos as oportunidades que elas oferecem.”

“Juntamente com a Unicef, estamos tomando medidas com o Fundo de Criptomoedas para melhorar o acesso a necessidades, direitos e recursos básicos”, disse Miyaguchi no anúncio.

O Fundo de Criptomoedas da Unicef é o mais recente passo da organização focada no público infantil da ONU para adotar a tecnologia blockchain em um objetivo mais amplo. No início deste ano, estava em negociações com o governo do Quirguistão para usar blockchain para fornecer acesso à Internet às escolas no país por meio de uma iniciativa chamada Project Connect.

Em dezembro do ano passado, a Unicef disse que estava investindo US$100.000 em seis startups de blockchain, a fim de resolver desafios globais via blockchain, desde a transparência na prestação de serviços de saúde até o gerenciamento de finanças e recursos.

 

*Matéria escrita por Amanda Bastiani e publicada originalmente em CriptoFácil.

Comentários

PUBLICIDADE

RECEBA NOVIDADES

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Oferecimento:
Projeto mantido por:
Media Partners: