Notícias

Blockchain: impacto e benefícios no mercado do marketing

Entenda porque no marketing, assim como em outros setores, o papel da blockchain é fundamental

 

No ano passado, o Brasil ficou em 11o° em um ranking entre os países que usam o blockchain – segundo levantamento do Criptomoeda.org. No país, a tecnologia já foi adotada em bancos como Itaú, Santander, BNDES e Banco Central do Brasil. Para a América Latina, o IDC Latin America prevê que, até 2022, 20% dos servidores utilizarão criptografia de dados e, graças ao blockchain, as identidades digitais serão usadas por mais de cinco milhões de pessoas.

Recapitulando o conceito de Blockchain: trata-se de um banco de dados que registra diferentes tipos de transações e mantém registros espalhados por servidores, permitindo que duas partes façam transações seguras em uma rede descentralizada. Dentro dessa tecnologia, as informações não podem ser alteradas e são distribuídas com recursos de criptografia imutáveis.

Com certeza, a blockchain trará muitas facilidades e melhorias para diversas áreas da nossa economia, uma delas o setor de marketing. No marketing,  o papel da blockchain é fundamental – já que evita fraudes, oferece maior transparência econômica e de dados, aumenta a eficiência e previne discrepâncias por toda a extensão do supply chain.

Quando bem planejado e executado, o blockchain adiciona valor às ferramentas de marketing já existentes e permite um novo boom em inovação. Esse cenário melhora a forma e o conteúdo das conversas entre os profissionais de marketing e seus clientes.

A MediaMath, empresa especialistaem marketing programático, lista alguns benefícios de trabalhar com o blockchain:

Solução de problemas

Apesar dos avanços do mercado e das tecnologias à disposição dos profissionais, o marketing digital ainda enfrenta alguns desafios quando falamos de transparência, padrões de qualidade, discrepâncias entre as partes interessadas, etc.

É nesse momento que o blockchain entra como um aliado dos profissionais desse setor. E há espaço para fazer muito mais: expandir os reais resultados de negócios; aumentar a eficiência, simplicidade e eficácia da execução de campanhas de marketing; e facilitar a contabilidade e o pagamento dessas ativações.

Reconciliação

Um cenário como este não é incomum: um anunciante deseja uma campanha de display com 200 mil impressões. Na revisão dos relatórios, a plataforma de compra apresenta 208 mil impressões; o adserver, 194 mil; e o publisher diz que foram 212 mil. Isso acontece porque a plataforma de Ad Serving, a de compra e o publisher contam as impressões separadamente. Com o blockchain, esse problema é resolvido, uma vez que o registro público de cada transação das três partes é reconhecido para verificar o número exato de impressões entregues.

Eficiência

Nas compras, há empresas intermediárias entre anunciantes e publishers. No mundo digital, as ad networks oferecem grupos de sites que têm inventários e, ao mesmo tempo, agrupam (e gerenciam) os anunciantes que os compram.

Com o blockchain, é possível fazer uma comunicação direta entre ambas as partes para verificar a entrega de anúncios e automaticamente habilitar o pagamento por meio de contratos inteligentes. Assim, os anunciantes têm a certeza de pagar pelos anúncios exibidos e não pagam intermediários.

Marketing focado no consumidor

Os consumidores estão cada vez mais conscientes das implicações da privacidade e do valor de seus dados digitais, e querem participar da comercialização desses dados. A tecnologia de blockchain e os micropagamentos que ela possibilita oferecem a oportunidade de recompensar os consumidores por se engajarem em anúncios, visualizarem criativos ou fornecerem dados ou outras informações relevantes – o que é uma proposta atraente na era do adblocker.

Embora ainda não implementada para esse fim específico, a tecnologia blockchain permitiria aos usuários vender seus dados pessoais. Se um número suficiente de anunciantes pagasse por essas informações diretamente para os usuários, e usuários suficientes optassem por isso, teoricamente não haveria intermediários e melhoraria a qualidade e o custo das informações utilizadas.

Aproveitando o blockchain ao máximo

Porém, para que a tecnologia seja usada em sua excelência, é fundamental que todo o ecossistema esteja alinhado no uso dessa ferramenta. O blockchain e as tecnologias criptográficas relacionadas resolverão os desafios estruturais de longa data inerentes à arquitetura da adtech – diferentemente das soluções temporárias vistas hoje no mercado. Assim, os profissionais de marketing alcançarão os consumidores de formas mais interessantes e eficazes, uma vez que uma nova camada de arquitetura tecnológica existe para apoiar essas conversas.

Comentários

PUBLICIDADE

RECEBA NOVIDADES

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Oferecimento:
Projeto mantido por:
Media Partners: