Artigos

1º trimestre de 2019 obteve 130% a mais de STOs, diz relatório

STO

De acordo com o relatório da Inwara, o primeiro trimestre de 2019 foi de 130% a mais de STOs em comparação com 2018, e o valor arrecadado foi de cerca de 130 bilhões de dólares. Cerca de 350 STOs foram implementadas no passado, 96% das quais foram adquiridas com sucesso. Comparado com a ICO, que se diz ter uma taxa de sucesso de compras de 85% ou menos, os números até agora sustentam um certo sucesso do STO.

O sucesso do STO deve-se em grande parte à implementação de leis. Na nossa pesquisa de opinião sobre blockchain (Blockchain Sentiment Survey) realizada pelo QRC, pudemos entender completamente a ansiedade sobre a ICO em outubro de 2018. Isso ocorre porque a ICO não é baseada em regulamentos. Por não ser apropriadamente regulado, isso afastou os investidores.

As empresas que consideram arrecadação também estão mais confiantes no STO e o veem como uma nova opção, além do financiamento tradicional. No futuro, não apenas as startups, mas também as empresas de médio porte e as empresas listadas que já concluíram várias rodadas terão mais oportunidades de considerar seriamente o STO como um método de financiamento adicional.

Alguns setores que têm uma forte afinidade com o STO já foram nomeados, e o setor imobiliário parece ter começado bem.

Um projeto de larga escala que atraiu a atenção das mídias de blockchain recentemente, foi o contrato da provedora de plataforma de Security Token tZero juntamente com a Tezos Foundation, uma empresa de plataforma de B/C, que desenvolverá um projeto de Security Token para investir 643 milhões de dólares em imóveis em desenvolvimento no Reino Unido.

Como pioneira, foi decidido desenvolver um edifício beira mar em Manchester por 26 milhões de dólares no primeiro trimestre de 2020. O suporte técnico será fornecido pela Tezos. Espera-se que os dividendos das ações tokenizadas retornem aos investidores.

A companhia de Hong Kong, Liquify, fez uma parceria com o Seed Group em Dubai este ano para criar uma base para projetos STO no Oriente Médio. O Liquify recebeu investimentos da NEO da China, e cobrirá um papel no fortalecimento do ecossistema da ST na blockchain NEO. A Liquify também quer arrecadar 600 milhões de dólares para financiar o desenvolvimento imobiliário em Londres.

No Japão, a MBK, uma instituição financeira listada na segunda seção da Bolsa de Tóquio, anunciou que formou uma aliança comercial com a Bit Of Property de Cingapura este novembro. Com objetivo de utilizar Security Token para desenvolvimento imobiliário na Estônia.

A QRC também assinou um contrato com a Emaar, a maior incorporadora no Oriente Médio para promover a construção de blockchain de empreendimentos imobiliários e expandir a base da indústria.

A tokenização imobiliária tende demonstrar um potencial de grande escala. No próximo texto, apresentarei as tendências do STO na Ásia.

Shogo Ishida

é o CEO da QRC HK Ltd. em Hong Kong. Tem uma carreira extensa em ambos setores públicos e privados, incluindo missão diplomática, serviço legislativo para Ministério Exterior e Primeiro Ministro do Japão, e consultoria em Dubai. Desde 2017, ao mudar sua carreira para o setor Tech, Shogo utiliza sua experiência e conhecimento para coordenar, desenvolver negócios e marketing através da empresa de marketing de RegTech e FinTech a BPM, que foi fundada em Hong Kong. Em Janeiro de 2019, Shogo foi recebido como o CEO da QRC HK, a RegTech Capital com portfólio mundial.

Comentários

PUBLICIDADE

RECEBA NOVIDADES

Fique por dentro de todas as novidades, eventos, cursos, conteúdos exclusivos e muito mais.

Oferecimento:
Projeto mantido por:
Media Partners: